(9)Natal do nascimento de Jesus

OUTROS TÍTULOS:
Quando todas as esperanças renascem
Lembrando o passado, o presente e o futuro deste nacimento divinal
Significados do natal para a humanidade, a igreja e cada um de nós
O que devemos agradecer, mesmo, no natal de Cristo
... e outros títulos que o pregador achar por bem.


Deus-Filho (Jo.14:7), como uma das marcas de sua encarnação (1Tm.1:15), do ter-se feito homem, nasceu, teve um dia para nascer de uma mulher (Jo.19:25). Tudo aconteceu no verão do hemisfério norte, no ano 4 aC (Lc.2:1), entre Junho e Agosto (verão, pastores no campo, Lc.2:8), mas, por vários motivos, aprouve a Deus deixar que fosse comemorado por toda humanidade no verão do hemisfério sul, exatamente em 25 de Dezembro. Nesta data, como em qualquer outra do ano, em vários dos calendários pagãos, deuses e símbolos religiosos são comemorados. Como a oração, o canto, a reunião, a pregação, o jejum e outras práticas pagãs foram absorvidas pelo judaísmo e, depois, pelo cristianismo, muitos dos símbolos pagãos também foram incorporados às comemorações natalinas, como árvores, velas, coroas, luzes, cores, e até o papai-noel (Tt.1:15). Comemorar o natal, lembrar dele, incentivar outros ao que ele significa para o cristianismo (Lc.2:10), é uma forma de exaltar a Jesus, o Deus-Filho, por mais esta grande demonstração de seu amor para com toda humanidade (Lc.2:14), além de aproveitar um momento muito sensível até mesmo a pessoas de outras religiões no mundo, para a verdade bíblica da salvação a partir do nascimento do Filho de Deus.
.
.
.
Quanto mais consagrado for o salvo, melhor o Senhor opera sua Graça, fazendo-o agradável aos seus propósitos. (2Co.3:5, Sl.37:5, Tt.2:11-14, Hb.13:20-21) (leia 399D)
Sua encarnação... Is.7:14, 9:6, 11:1, Lc.1:31, 2:7, Jo.1:14, At.2:30, Rm.1:3, 8:3, Fp.2:7, 1Tm.3:16, Hb.2:14, 1Jo.4:2, 2Jo.7
.
.
Questões... (1)A comemoração de uma data importante como o nascimento de Jesus no mundo, pode ser invalidado pelo fato de não se saber a data correta, por coincidir com uma data de comemorações pagãs como qualquer outra data seria, por ter recebido muitos símbolos não mencionados na Bíblia no desenrolar da história? (2)Se a Bíblia diz que não há nenhum justo nascido no mundo, que todos são pecadores, é possível Maria ter sido exceção, para ser a mãe de Jesus, ou ela foi uma pessoa como qualquer outra que aprouve a Deus usar para esta responsabilidade, e por isto seria chamada de bem aventurada, mas era carente de salvação como qualquer outra pessoa? (3)O nascimento, em nossa perspectiva humana-cristã, é mais ou menos importante que a morte, a ressurreição e a transfiguração, na vida de Jesus em relação à sua missão no mundo?
.
.
.
Introdução do Tema... Vários irmãos se levantam e cada um menciona uma razão por que devemos celebrar com Deus, o nascimento de Jesus.
Leitura Reflexiva Lc.2:1-20. Intróito Declarativo: 410D
Leitura Contextual Lc.2:1-20, Mt.1:18-25, Jo.1:1-18, Tt.3:4-7
Abertura do Culto... (Leia com autoridade espiritual, com veemência profética e com convicção cristã, em nome da igreja, falando a Deus ou aos seus adoradores no culto.)... Digno é o Senhor Todo-Poderoso, de ser eternamente glorificado. Não merecemos, mas Ele está entre nós com toda a sua grandeza. Queremos oferecer-lhe um culto que expresse nossas sinceras homenagens espirituais. Muitas são as nossas razões para estarmos aqui, nesta adoração em nossa igreja. Glorifica-lo com nossa presença, quando a igreja está reunida para sua exaltação, é nossa prioridade de vida. A preocupação bíblica deste culto é “Natal, o Nascimento de Jesus” quando vamos relembrar a vinda do Salvador ao mundo, como pura demonstração do amor de Deus para com toda humanidade..... NOSSA ORAÇÃO... Digno és, Senhor Todo-Poderoso, de ser eternamente glorificado. Sejas louvado em nosso culto. Agora e para todo o sempre. Amém. (cântico diferente das estrofes do hino 26A durante momentos apropriados do culto)
.
.
.
Cantor Cristão (hinos A): 26 a 33. Hinário para o Culto Cristão (hinos B): 90 a 109, 112, 114, 191. Outros Hinos (hinos C): 54 a 62
Leitura Bíblica HCC. (B): 93, 101, 103, 105. Leituras Coletivizadas (E): 142, 196, 265. Declaração Congregacional (D): 66, 166, 180
Nosso culto a Deus: 345D. Responso Congregacional: Manhã, 355D; Noite, 359D. Declaração Final: 414D. Bênção Final: 369D.
Adicionantes... Calendário da Igreja; Dias Comemorativos, 396D; Oração Congregacional, 394D
.
.
.
.
.
.